• catedral.jpg
  • catetinho.jpg
  • congresso.jpg
  • exposicao1.jpg
  • museu5.jpg
  • museucatetinho2.jpg
  • museunacional.jpg
  • museunacional2.jpg

 

 


Projeto Acadêmico do Curso de Bacharelado em Museologia

 

Departamento de Ciência da Informação e Documentação da Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação da Universidade de Brasília

O projeto cumpre a Resolução da Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação, Resolução CNE/CES 21, de 13 de março de 2002, que estabelece as diretrizes curriculares para os Cursos de Museologia, em consonância com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei 9394/96), o Regimento Geral da UnB e outras legislações pertinentes.

 

PERFIL DO FUTURO PROFISSIONAL

O perfil do bacharel em Museologia coadunar-se-á à definição de Museu do Conselho Internacional de Museus – ICOM –, às diretrizes curriculares correspondentes à área museológica e às atribuições do museólogo previstas no decreto que regulamenta a profissão do museólogo.

O bacharel em Museologia atuará em sintonia com as discussões e definições conceituais acordadas em âmbito nacional e internacional. A esse respeito, levará em conta a definição de Museu do Conselho Internacional de Museus – ICOM –, adotada na 16.ª Assembléia Geral, em 1989, e revista na 20ª. Assembléia Geral, em Barcelona, no ano de 2001, que o conceitua como “uma instituição permanente, sem fins lucrativos, a serviço da sociedade e de seu desenvolvimento, aberto ao público e que adquire, preserva, pesquisa e expõe os testemunhos materiais do homem e de seu meio ambiente, para educação e entretenimento do público”[1].

No tocante à formação e ao campo de atuação do profissional, as Diretrizes Curriculares para o Curso de Museologia observam que: “a formação do museólogo supõe o domínio dos conteúdos da Museologia e a preparação para enfrentar com proficiência e criatividade os problemas de sua prática profissional, especialmente aqueles que demandem intervenções em museus, centros de documentação ou informação, centros culturais, serviços ou redes de informação, órgãos de gestão do patrimônio cultural”[2].

Segundo o Decreto n.º 91.775, de 15 de outubro de 1985, que trata da Regulamentação da profissão de museólogo e autorização para criação do Conselho Federal e Conselhos Regionais de Museologia, as atribuições do museólogo, definidos no artigo 3º. do capítulo II, são:

  1. I.   “ensinar a Museologia nos seus diversos conteúdos, em todos os graus e níveis, obedecidas as prescrições legais;
  2. II.   planejar, organizar, administrar, dirigir e supervisionar os museus, as exposições de caráter educativo e cultural, os serviços educativos e as atividades culturais dos museus e de instituições afins;
  3. III.    executar todas as atividades concernentes ao funcionamento dos museus;
  4. IV.    solicitar o tombamento de bens culturais e o seu registro em instrumento específico;
  5. V.     coletar, conservar, preservar e divulgar o acervo museológico;
  6. VI.    planejar e executar serviços de identificação, classificação e cadastramento de bens culturais;
  7. VII.  promover estudos e pesquisas sobre acervos museológicos;
  8. VIII. definir o espaço museológico adequado à apresentação e guarda das coleções;
  9. IX.   informar os órgãos competentes sobre o deslocamento irregular de bens culturais, dentro do país ou para o exterior;
  10. X.  dirigir, chefiar e administrar os setores técnicos de Museologia nas instituições governamentais da administração pública direta e indireta, bem assim em órgãos particulares de idêntica finalidade;
  11. XI.    prestar serviços de consultoria e assessoramento na área de Museologia;
  12. XII.    realizar perícias destinadas a apurar o valor histórico, artístico ou científico de bens museológicos, bem assim a sua autenticidade;
  13. XIII.  orientar, supervisionar e executar programas de treinamento, aperfeiçoamento e especialização de pessoas habilitadas nas áreas de Museologia e Museografia, como atividade de extensão;
  14. XIV.   orientar a realização de seminários, colóquios, concursos, exposições de âmbito nacional ou internacional, e de outras atividades de caráter museológico, fazendo-se nelas representar”[3].

Considerando os conceitos e os parâmetros profissionais expostos, sobressai o vasto campo de atuação, o nível de exigência de formação e de exercício profissional, e o amplo universo de ações possíveis, que se tornam incomensuráveis, na medida em que se introduz o conceito de Patrimônio Cultural e Natural, a “matéria-prima” básica do labor museológico. A Declaração de Caracas, de 1992, unificou os conceitos de Patrimônio Cultural e Patrimônio Natural na seguinte definição: “Entende-se por Patrimônio Cultural de uma nação, de uma região ou de uma comunidade, aquelas expressões materiais e espirituais que a caracterizam”[4].

Correspondendo à ampliação conceitual e profissional, o mercado de trabalho para o bacharel em Museologia ampliou-se. Para além dos museus tradicionais, abriu-se um leque de opções de trabalho ligadas ao Patrimônio Cultural e Natural, que abrange desde os Museus de História e de Arte até Ecomuseus e Museus Comunitários, Museus de Ciência e de Tecnologia, Programas de Memória e Patrimônio, Parques, Monumentos e Reservas Naturais, Cidades-Monumento, Aquários, Zoológicos e Jardins Botânicos, Planetários, Arquivos e Bibliotecas, Teatros e Redes de Televisão etc.

Por conseguinte, com este amplo espectro de possibilidades profissionais, e de acordo com as Diretrizes Curriculares para o Curso de Museologia, o Curso de Graduação em Museologia do CID-FACE/UnB deverá formar bacharéis em Museologia capazes de “compreender o museu como um fenômeno que se expressa sob diferentes formas, consoante sistemas de pensamento e códigos sociais”. Ademais, os bacharéis em Museologia deverão ser capazes de “interpretar as relações entre Homem, Natureza e Cultura, tendo como base o seu contexto temporal e espacial” [5].

COMPETÊNCIAS E HABILIDADES

Considerando o universo de atuação do bacharel em Museologia, o curso de Graduação em Museologia do CID-FACE/UnB deverá formar profissionais com competências e habilidades diversificadas e interdisciplinares, em virtude da complexidade e versatilidade do campo de atuação museológico e da crescente competitividade em seu mercado de trabalho.

AS COMPETÊNCIAS E HABILIDADES estarão em consonância com aquelas preconizadas no documento CNE/CES 492/2001, de 9 de julho de 2001, quais sejam:

 

GERAIS

˗ Identificar as fronteiras que demarcam o respectivo campo de conhecimento;

˗  Gerar produtos a partir dos conhecimentos adquiridos e divulgá-los;

˗ Desenvolver e aplicar instrumentos de trabalho adequados;

˗ Formular e executar políticas institucionais;

˗Elaborar, coordenar, executar e avaliar planos, programas e projetos;

˗  Traduzir as necessidades de indivíduos, grupos e comunidades nas respectivas áreas de atuação;

˗ Desenvolver atividades profissionais autônomas, de modo a orientar, dirigir, assessorar, prestar consultoria, realizar perícias e emitir laudos técnicos e pareceres;

 

ESPECÍFICOS

˗ Compreender o Museu como fenômeno que se expressa sob diferentes formas, consoante sistemas de pensamento e códigos sociais;

˗  Interpretar as relações entre o homem, cultura e natureza, no contexto temporal e espacial;

˗ Intervir, de forma responsável, nos processos de identificação, musealização, preservação e uso do patrimônio, entendido como representação da atividade humana no tempo e no espaço;

˗ Realizar operações de registro, classificação, catalogação e inventário do patrimônio natural e cultural;

˗ Planejar e desenvolver exposições e programas educativos e culturais”[6].

ESTRUTURA GERAL DO CURSO

A estrutura geral do Curso de Bacharelado em Museologia compreenderá disciplinas obrigatórias e optativas organizadas em créditos semestrais (1 crédito correspondendo a 15 horas de atividades). O curso será constituído por um total mínimo de 169 créditos, sendo 118 obrigatórios e 51 optativos. Os conteúdos museológicos distribuídos ao longo do curso serão devidamente interligados e estudados numa abordagem unificadora. A estrutura curricular deverá respeitar os principais núcleos de conteúdos específicos de Museologia, das ciências afins – Biblioteconomia, Arquivologia, Ciência da Informação, História, Arte, Antropologia etc. – e dos conhecimentos sociais, políticos e culturais de modo a favorecer uma ampla e sólida formação.

 

A ESTRUTURA DO CURSO PRETENDE:

˗ Contemplar as exigências do perfil do profissional em Museologia, levando em consideração a identificação dos problemas, necessidades e prospectivas da sociedade, assim como da legislação vigente;

˗ Garantir uma sólida formação básica inter e multidisciplinar, a partir de conteúdos que funcionam como meio e suporte para a constituição das competências;

˗ Favorecer a flexibilidade curricular, de forma a contemplar interesses e necessidades específicas dos alunos;

˗ Proporcionar o desenvolvimento de competências, por meio de atividades que levem o aluno a: investigar, interpretar, analisar e selecionar informações; identificar problemas relevantes, realizar experimentos e projetos de pesquisas;

˗  Levar em conta a evolução epistemológica dos modelos explicativos dos processos museológicos;

˗ Estimular outras atividades curriculares e extracurriculares de formação como: iniciação científica, monitoria, estágios, atividades de ensino e extensão e disciplinas optativas;

˗ Considerar a implantação do Currículo como experimental, devendo ser permanentemente avaliado, a fim de que possam ser feitas, no devido tempo, as correções que se mostrarem necessárias;

˗ Contemplar e avaliar a solicitação dos alunos sobre criação de novas disciplinas;

˗ Realizar todas as atividades dentro do rigor da metodologia científica.

 

 

CONTEÚDOS CURRICULARES

Os conteúdos curriculares obrigatórios de natureza científica terão um total de 169 créditos (2535 horas) e farão parte do Núcleo Básico do Curso de Bacharelado em Museologia. Destes, 8 créditos (120 horas) correspondem aos estágios supervisionados e 8 créditos (120 horas) à elaboração do trabalho de conclusão do curso.

Com o propósito de ampliar a flexibilidade e atender interesses e necessidades dos alunos, pelo menos 51 créditos (765 horas) serão compostos por disciplinas optativas. Além desse total estão previstos 24 créditos em Módulo Livre, correspondentes a atividades acadêmicas, científicas, culturais, atividades de extensão e complementares.

Os conteúdos curriculares abaixo relacionados são considerados básicos e englobam conhecimentos museológicos e das áreas de Biblioteconomia, Arquivologia, Ciência da Informação e Ciências Humanas. Terão como eixos integradores:

 

 

EIXO 1 – TEORIA E PRÁTICA MUSEOLÓGICA

Focaliza a formação específica compreendendo disciplinas de conteúdos teóricos e práticos voltados para a Museologia, a Teoria Museológica, a Pesquisa Museológica e a Museografia.

CID-............ – Estágio Supervisionado 1

CID-............ – Estágio Supervisionado 2

CID-............ – Gestão de Museus e Políticas de Acervos Museológicos

CID-............ – Introdução à Museologia

CID-............ – Introdução ao Trabalho de Conclusão de Curso

CID-............ – Museologia 1

CID-............ – Museologia 2

CID-............ – Museologia 3

CID-............ – Museologia e Comunicação 1

CID-............ – Museologia e Comunicação 2

CID-............ – Museologia e Comunicação 3

CID-............ – Museologia e Comunicação 4

CID-............ – Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

 

EIXO 2 — MUSEOLOGIA E INFORMAÇÃO

Congrega disciplinas partilhadas pelos cursos de Biblioteconomia e Arquivologia, junto às quais se perfila uma nova disciplina centrada no processamento técnico de acervos realizado no campo da Museologia. Constitui um embrião do tronco comum aos três cursos do Departamento de Ciência da Informação e Documentação – Biblioteconomia, Arquivologia e Museologia -, com perspectivas de amadurecimento e transformação objetivando configurar-se numa área de conhecimento comum.

CID-182401 – Análise da Informação

CID-182541 – Controle Bibliográfico

CID-........... – Informação e Documentação Museológica

CID-182010 – Introdução à Biblioteconomia e Ciência da Informação

 

 

EIXO 3 — MUSEOLOGIA E PATRIMÔNIO CULTURAL

O conteúdo curricular desse eixo é dirigido para a formação geral e compreende disciplinas básicas e ligadas a várias áreas de conhecimento. O objetivo é fundamentar e integrar o estudo da Museologia a um campo interdisciplinar, com o foco na Cultura, Memória e Patrimônio.

CID-............ – Museologia, Patrimônio e Memória

DAN-135224 – Antropologia da Arte*

DAN-135283 – Cultura e Meio Ambiente*

DAN-135364 – Estudos Afro-brasileiros*

DAN-135496 – Pensamento Antropológico Brasileiro*

DAN-135372 – Sociedades Camponesas*

DAN-135381 – Sociedades Indígenas*

DAN-135356 – Tradições Culturais Brasileiras*

HIS-139416 – Cultura Brasileira 1

HIS-139661 – História Regional

HIS-139203 – História Social e Política do Brasil

HIS-139033 – Introdução ao Estudo da História

VIS-153699 – Fundamentos de Linguagem Visual

VIS-157660 – História da Arte no Brasil

 

 

EIXO 4 — PRESERVAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE BENS CULTURAIS

Conteúdo curricular teórico e prático voltado para o campo da preservação e segurança de bens culturais; para o planejamento, a montagem e a gestão de reserva técnica museológica e de laboratório de conservação; para os estudos dos procedimentos de manuseio, transporte e exibição.

CID-182770 – Conservação e Preservação de Documentos

CID-........... – Museologia e Preservação 1

CID-........... – Museologia e Preservação 2

Além dos conteúdos curriculares abordados acima, 14 créditos (210 horas) de atividades de caráter acadêmico, científico e/ou cultural e de livre escolha dos estudantes poderão incluir atividades de ensino, pesquisa e extensão de acordo com critérios estabelecidos pelo Colegiado do Departamento de Ciência da Informação e Documentação (CID). A solicitação de reconhecimento dos créditos será analisada pela Coordenação de Graduação e submetida à aprovação pelo Colegiado do CID. As atividades de extensão deverão atender os critérios definidos na Resolução do CEPE 87/2006 e poderão integralizar, no máximo, 10 créditos. As atividades de pesquisa também poderão integralizar, no máximo, 10 créditos. As atividades que não se enquadrarem em quaisquer dessas modalidades poderão integralizar, no máximo 4 créditos.

 

Proposta de Grade Curricular para o Bacharelado em Museologia

 

1º SEMESTRE: Total de 18 créditos – 270 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

1

CID-

Introdução à Museologia (4C)

Sem pré-requisito

2

VIS-153699

Fundamentos da Linguagem Visual (6C)

Sem pré-requisito

3

CID-182010

Introdução à Biblioteconomia e Ciência da Informação (4C)

Sem pré-requisito

4

HIS-139033

Introdução ao Estudo da História (4C)

Sem pré-requisito

 

2º SEMESTRE: Total de 16 créditos – 240 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

5

CID-

Museologia 1 (4C)

Introdução à Museologia (CID-)

6

VIS-157660

História da Arte no Brasil (4C)

Sem pré-requisito

7

CID-182541

Controle Bibliográfico (4C)

Sem pré-requisito

8

HIS-139203

História Social e Política do Brasil (4C)

Sem pré-requisito

 

3º SEMESTRE: Total de 16 créditos - 240 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

9

CID-

Museologia 2 (4C)

Museologia 1 (CID-)

10

CID-

Museologia e Comunicação 1 (4C)

Introdução à Museologia (CID-)

11

DAN-

Cadeia Seletiva (4C)

Museologia 1 (CID-)

12

HIS-139416

Cultura Brasileira 1 (4C)

Sem pré-requisito

 

4º SEMESTRE: Total de 16 créditos – 240 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

13

CID-

Museologia 3 (4C)

Museologia 2 (CID-)

14

CID-

Museologia e Comunicação 2 (4C)

Museologia e Comunicação 1 (CID-)

15

CID-182401

Análise da Informação (4C)

Controle Bibliográfico (CID-182541)

16

HIS-139661

História Regional (4C)

Introdução ao Estudo da História (HIS-139033)

 

5º SEMESTRE: Total de 16 créditos – 240 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

17

CID-

Museologia e Comunicação 3 (4C)

Museologia e Comunicação 2 (CID-)

18

CID-182770

Conservação e Preservação de Documentos (4C)

Sem pré-requisito

19

CID-

Informação e Documentação Museológica (4C)

Análise da Informação (CID-182401)

20

CID-

Museologia, Patrimônio e Memória (4C)

Sem pré-requisito

 

6º SEMESTRE: Total de 16 créditos – 240 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

21

CID-

Museologia e Preservação 1 (4C)

Conservação e Preservação de Documentos (CID-182770)

22

CID-

Museologia e Comunicação 4 (4C)

Museologia e Comunicação 3 (CID-)

23

DAN-

Cadeia Seletiva (4C)

Museologia 1 (CID-)

24

CID-

Estágio Supervisionado 1 (4C)

Museologia 1 (CID-)

Museologia e Comunicação 1 (CID-)

7º SEMESTRE: Total de 16 créditos – 240 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

25

CID-

Museologia e Preservação 2 (4C)

Museologia e Preservação 1 (CID-)

26

CID-

Gestão de Museus e Políticas de Acervos Museológicos (4C)

Sem pré-requisito

27

CID-

Estágio Supervisionado 2 (4C)

Estágio Supervisionado 1 (CID-)

28

CID-

Introdução ao Trabalho de Conclusão do Curso (4C)

Informação e Documentação Museológica 
(CID-)

Museologia 3 (CID-)

Museologia e Comunicação 4 (CID-)

 

8º SEMESTRE: Total de 4 créditos – 60 horas

PRIORIDADE

CÓDIGO

DISCIPLINA

PRÉ-REQUISITOS

29

CID-

Trabalho de Conclusão de Curso (4C)

Introdução ao Trabalho de Conclusão do Curso (CID-)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

QUADRO DEMONSTRATIVO CRÉDITOS/HORAS

MÓDULO

DISCIPLINA

TOTAL DE CRÉDITOS (MÍNIMO)

TOTAL DE HORAS (MÍNIMA)**

MÓDULO

Disciplinas Obrigatórias do Bacharelado (70% do total)

(Disciplinas Obrigatórias: 110 créditos; Disciplinas Obrigatórias Seletivas: 8 créditos)

118

 

1770

INTEGRANTE

Disciplinas Optativas  (30% do total)

51

765

MÓDULO LIVRE

Disciplinas de livre escolha, perfazendo um total de até 24 créditos

-------

------

 

TOTAL GERAL

169

2535

 

 

DURAÇÃO/INTEGRALIZAÇÃO DO CURSO

MÍNIMA: 4 anos

FLEXIBILIZAÇÃO DO CURSO

MÍNIMA: 3 anos e meio

 

As disciplinas da Cadeia Seletiva ofertada pelo Departamento de Antropologia poderão ser selecionadas pelos alunos, que deverão cursar um mínimo de 8 créditos (120 horas). Uma vez cumprido este requisito, as demais disciplinas farão parte do elenco de disciplinas optativas.

O Fluxograma da Grade Curricular para o Bacharelado em Museologia foi organizado de acordo com a seguinte estratégia:

˗  Concentrar nos primeiros períodos as disciplinas de conteúdo geral, de áreas de conhecimento distintas, e de caráter especificamente propedêutico, estimulando a formação interdisciplinar centrada na Cultura, Memória e Patrimônio;

˗   Introduzir disciplina de conteúdo específico no primeiro período para despertar nos ingressantes o interesse e o contato imediato com o campo da Museologia;

˗  Oferecer disciplina com conteúdo de Teoria Museológica, a partir do segundo período e de disciplinas predominantemente práticas a partir do quinto período;

˗ Consolidar a oferta paralela de disciplinas de Museologia geral, específica e aplicada como um bloco compacto a partir do quinto período;

˗ Propiciar a organização da Exposição Curricular ou outra ação museológica no sexto período:

˗Propiciar a prática museológica através de estágios supervisionados a partir do sexto período, estimulando-os ao amadurecimento de um Projeto de Pesquisa;

˗ Iniciar a reflexão e a montagem do Projeto de Pesquisa no antepenúltimo período, que culminará no Trabalho de Conclusão de Curso no último período;

˗ Ampliar o leque de oferta de disciplinas optativas com o objetivo de permitir aos alunos o contato com várias áreas de conhecimento;

˗  Estimular e orientar a seleção de disciplinas optativas de acordo com o interesse dos alunos por determinadas áreas de conhecimento de modo que, com o passar do tempo, possam se destacar habilitações distintas das que hoje são atribuídas aos formandos.

 

Elenco de Disciplinas Obrigatórias (total de 27):

CID-182401 – Análise da Informação

CID-182770 – Conservação e Preservação de Documentos

CID-182541 – Controle Bibliográfico

CID-........... – Estágio Supervisionado 1

CID-........... – Estágio Supervisionado 2

CID-........... – Gestão de Museus e Políticas de Acervos Museológicos

CID-........... – Informação e Documentação Museológica

CID-182010 – Introdução à Biblioteconomia e Ciência da Informação

CID-........... – Introdução à Museologia

CID-........... – Introdução ao Trabalho de Conclusão de Curso

CID-........... – Museologia 1

CID-........... – Museologia 2

CID-........... – Museologia 3

CID-........... – Museologia e Comunicação 1

CID-........... – Museologia e Comunicação 2

CID-.......... – Museologia e Comunicação 3

CID-.......... – Museologia e Comunicação 4

CID-.......... – Museologia e Preservação 1

CID-.......... – Museologia e Preservação 2

CID-.......... – Museologia, Patrimônio e Memória

CID-.......... – Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

HIS-139416 – Cultura Brasileira 1

HIS-139661 – História Regional

HIS-139203 – História Social e Política do Brasil

HIS-139033 – Introdução ao Estudo da História

VIS-153699 – Fundamentos de Linguagem Visual

VIS-157660 – História da Arte no Brasil

 

Elenco de Disciplinas da Cadeia Seletiva (total de 2):

DAN-135224 – Antropologia da Arte

DAN-135283 – Cultura e Meio Ambiente

DAN-135364 – Estudos Afro-brasileiros

DAN-135496 – Pensamento Antropológico Brasileiro

DAN-135372 – Sociedades Camponesas

DAN-135381 – Sociedades Indígenas

DAN-135356 – Tradições Culturais Brasileiras

 

Elenco de Disciplinas Optativas:

AD - 181013 – Introdução à Administração

 

BOT-126497 – Botânica dos Biomas Brasileiros

BOT-126357 – Etnobotânica do Cerrado

 

CEAM-199851 – Direitos Humanos e Cidadania

 

CEL-126390 – Computação Gráfica Aplicada a Ilustração Científica 1

CEL-126403 – Computação Gráfica Aplicada a Ilustração Científica 2

 

CEN-153010 – Elementos de Linguagem Estética e História da Arte 2

CEN-153621 – Oficina Básica de Artes Cênicas 1

 

CIC-113913 – Introdução à Ciência da Computação

CIC-116793 – Introdução à Microinformática

CIC-116220 – Introdução ao Processamento de Dados

 

CID-182907 – Arquivo, Cinema, Informação e Memória

CID-182311 – Bibliografia Brasileira

CID-182036 – Bibliografia Geral

CID-182052 – Catalogação

CID-182079 – Classificação

CID-182389 – Documentação

CID-145084 – Editoração

CID-182656 – Elaboração e Manutenção de Tesauros

CID-182532 – Estudo de Usuários

CID-182591 – Formação e Desenvolvimento de Acervos

CID-182125 – Gerência de Sistemas de Informação

CID-182028 – História do Livro e das Bibliotecas

CID-182630 – Indexação

CID-182681 – Introdução à Arquivologia

CID-182567 – Linguagens Documentárias

CID-182788 – Notariado

CID-182427 – Organização do Trabalho Intelectual

CID-182061 – Organização e Tratamento de Materiais Especiais

CID-182877 – Planejamento e Elaboração de Bases de Dados

CID-182869 – Redes de Informação e Transferência de Dados

CID-182419 – Reprografia

CID-145084 – Técnicas de Editoração

CID-182893 – Usabilidade na Interação Humano Computador

 

DAN-135518 – Antropologia Urbana

DAN-135348 – Identidade e Relações Interétnicas

DAN-135194 – Teoria Antropológica 1

 

DAP-143596 – Documentário

DAP-145319 – Fotografia e Iluminação

DAP-145335 – Introdução à Fotografia

DAP-146501 – Leitura dos Meios de Comunicação

 

DIN-157431 – Desenho Aplicado 1

DIN-157538 – Fotografia e Vídeo

DIN-153613 – História da Arte e da Tecnologia

DIN-157554 – Introdução ao Desenho Industrial

DIN-157520 – Oficina de Modelos e Maquetes

 

ECL-122408 – Ciências do Ambiente

ECL-126039 – Ecologia Básica

ECL-125440 – Educação Ambiental

ECL-123595 – Fundamentos de Ecologia e Evolução

ECL-126152 – Meio Ambiente Físico e Ecossistemas

ECL-126560 – Métodos em Ecologia

 

EFL-165620 – Biologia da Conservação

 

EST-115011 – Estatística Aplicada

 

FAC145033 – Estética e Cultura de Massa

 

FE-190292 – Aprendizagem, Tecnologia e EAD

 

FIL-137642 – Epistemologia das Ciências Humanas e Sociais

FIL-137529 – Ética

FIL-137413 – Evolução do Pensamento Filosófico e Científico

FIL-137791 – História da Ciência 1

FIL-139645 – História da Ciência 2

FIL-137553 – Introdução à Filosofia

GEA-138291 – Cartografia

GEA-138177 – Fotointerpretação

GEA-138266 – Geografia Humana 1

GEA-138258 – Geomorfologia

GEA-138576 – Políticas Públicas e Meio Ambiente

 

HIS-139823 – Cultura e Cidade – Brasil Contemporâneo

HIS-139165 – História Contemporânea 1

HIS-139173 – História Contemporânea 2

HIS-139009 – História Contemporânea 3

HIS-139351 – História da África 1

HIS-139742 – História da África 2

HIS-139947 – História da África Pré-colonial

HIS-139131 – História do Brasil 1

HIS-139149 – História do Brasil 2

HIS-139157 – História do Brasil 3

HIS-139092 – História Moderna 1

HIS-139106 – História Moderna 2

HIS-139831 – Tópicos Especiais em História do Brasil (Temas fundamentais da Eco-História do Brasil)

 

IB-120057 – Educação Ambiental Sustentável

IB-125644 – Ilustração Científica

 

IDA-197696 – Ateliê de Arte Visual 1

 

IGD-112844 – Fundamentos da História da Terra

IGD-112496 – Geologia Ambiental
IGD-112011 – Geologia Geral

IGD-112143 – Paleontologia

 

JOR-145467 – Oficina de Texto 1

JOR-146919 – Tecnologia da Comunicação

 

LET-142000 – Francês Instrumental 1

LET-142590 – Francês Instrumental 2

LET-145971 – Inglês Instrumental 1

LET-142573 – Inglês Instrumental 2

 

LIP-140481 – Leitura e Produção de Textos

 

MTC191311 – Fundamentos da Arte na Educação

MTC192193 – Técnicas Audiovisuais de Educação

 

PRO-154903 – Vegetação Aplicada ao Paisagismo

 

SOL-134074 – Introdução à Metodologia das Ciências Sociais

SOL-134465 – Introdução à Sociologia

SOL-134902 – Sociologia da Comunicação

SOL-134872 – Sociologia da Cultura

SOL-134473 – Teoria Sociológica 1

 

THAU-154008 – Introdução à Arquitetura e Urbanismo

 

VIS-157309 – Animação

VIS-156264 – Arte Eletrônica 1

VIS-153044 – Desenho 1

VIS-153052 – Desenho 2

VIS-153605 – Elementos de Linguagem, Arte e Cultura Popular

VIS-153036 – História da Arte 1

VIS-153524 – História da Arte 2

VIS-156299 – História da Arte 3

VIS-154971 – História da Arte Antiga

VIS-157651 – História da Arte Contemporânea

VIS-157635 – História da Arte Medieval

VIS-157643 – História da Arte Moderna

VIS-152901 – Infoestética 1 – Estética das Imagens Informáticas

VIS-157210 – Intervenção/Performance/Instalação

VIS-153061 – Introdução à Escultura

VIS-156281 – Introdução à Gravura

VIS-156272 – Introdução à Pintura

VIS-153192 – Introdução às Técnicas Artesanais

VIS-153516 – Materiais em Arte 1

VIS-153320 – Oficina Básica de Artes Plásticas 1
VIS-153788 – Oficina Básica de Cinema

VIS-153338 – Oficina de Fotografia 1

VIS-157228 – Seminário em Teoria, Crítica e História da Arte 1

VIS-153656 – Técnica de Gravura 1

VIS-153664 – Técnica de Gravura 2

VIS-153672 – Técnica de Gravura 3

VIS-157864 – Tecnologias Contemporâneas em Arte-educação

VIS-157295 – Vídeo-Arte

 

ZOO-126306 – Conservação da Fauna Silvestre

 

 

 

 


[1] Estatutos do ICOM. Disponível em: http://icom.museum/.

[2] Parecer CNE/CSE 402/2001, p. 37.

[3] Regulamentação da profissão de museólogo e autorização para criação do Conselho Federal e Conselhos Regionais de Museologia (Decreto nº. 91.775, de 15/10/1985). In: GONÇALVES, Telma Lasmar. Documentos oficiais do COFEM. S.e., 2006, p. 12.

[4] Declaração de Caracas. Cadernos de Sociomuseologia, n. 15, 1999, p. 240.

[5] Diretrizes curriculares para o curso de Museologia, Parecer CNE/CSE 402/2001, p. 31.

[6] Idem, ibidem.

* Disciplinas que integram a Cadeia Seletiva ofertada pelo Departamento de Antropologia.

** Artigo 76, parágrafo único do Regimento Geral da UnB prevê até 10% de carga horária excedente ao total mínimo (2400 horas) estabelecido por lei, ou seja, 2640 horas.